No peito e na alma !

No peito e na alma !

sexta-feira, 20 de abril de 2018

Santos vai pegar o Luverdense na Copa do Brasil




O técnico Jair Ventura terá o Luverdense pela frente nas oitavas-de-final da Copa do Brasil (Crédito: Ivan Storti/SantosFC)

Em sorteio realizado na sede da CBF na manhã desta sexta-feira, o Luverdense foi definido como adversário do Santos nas oitavas-de-final da Copa do Brasil de 2018. As duas equipes vão estrear na competição no confronto, que deve acontecer na segunda semana de maio. O Peixe fará o primeiro jogo como mandante e decidirá em Lucas do Rio Verde.

O Luverdense está na competição por ter vencido a Copa Verde na temporada passada enquanto o Peixe entra nas oitavas por estar também na disputa da Copa Libertadores da América. Será o primeiro confronto da história entre as duas equipes.

A equipe do Mato Grosso não faz uma boa temporada. Ficou fora da final do Campeonato Estadual e estreou com derrota para o rival Cuiabá na primeira rodada do Campeonato Brasileiro da Série C.

O grande atrativo da Copa do Brasil nesta temporada é a premiação. O campeão da competição vai ganhar R$ 50 milhões.

Confira os confrontos das oitavas-de-final

Chapecoense x Atlético-MG
Cruzeiro x Atlético-PR
Vasco x Bahia
Grêmio x Goiás
Corinthians x Vitória-BA
Palmeiras x América-MG
Flamengo x Ponte Preta
Santos x Luverdense

'Chega de abuso': Santos adere à campanha e terá palestra para a base

Andy Woodward, mundialmente conhecido após revelar ter sofrido abuso sexual no começo da carreira, dará palestra no clube para categorias de base e Sereias da Vila


Enquanto a Polícia Civil investiga um suposto caso de pedofilia envolvendo o coordenador das categorias de base do Santos, Ricardo Marco Crivelli, o Lica, o clube terá importante palestra no próximo dia 26, na Vila Belmiro, sobre o tema. O Peixe aderiu à campanha "Chega de Abuso", realizada pelo Sindicato de Atletas Profissionais do Estado de São Paulo e receberá Andy Woodward. 

Andy é um ex-jogador de futebol inglês, que ficou mundialmente conhecido após revelar ter sofrido abusos sexuais no começo da carreira, quando jogava no Crewe Alexandra - time do noroeste da Inglaterra.

As crianças, adolescentes e o time de futebol feminino do Santos, as Sereias da Vila, participarão do evento. O ex-jogador Alê Montrimas também estará na palestra. Alê tem publicado o livro "Futebol: sonho ou ilusão", no qual relata ter sofrido assédio sexual quando ainda estava nas categorias de base - o jogador foi formado nas categorias de base da Portuguesa e rodou por clubes europeus e pelo interior de São Paulo. 

São Paulo também terá palestra
Para os interessados, na próxima segunda-feira, às 18h30, Andy Woodward também estará na capital, onde realizará uma palestra no Museu do Futebol, no Pacaembu, mostrando projetos desenvolvidos na Inglaterra para construir uma nova realidade sobre o tema. Por Lancepress

Bruno Henrique confirma retorno ao Santos contra o Bahia


Bruno Henrique está de volta ao Santos (Ivan Storti/Santos FC)

Bruno Henrique foi relacionado pelo Santos para a partida contra o Bahia neste sábado, às 16h (de Brasília), na Arena Fonte Nova, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. A informação foi divulgada pelo próprio atacante, em entrevista coletiva nesta sexta-feira, no CT Rei Pelé.

“Fico feliz por estar aqui participando desse bate-papo, tem muito tempo que não venho aqui. Feliz por estar de volta. Vou se relacionado e isso não tem preço. Por tudo que eu passei, desde o dia 17 (de janeiro) até hoje, Deus me abençoou, fui honrado mais uma vez. Agora é dar andamento”, disse Bruno.

O santista se diz completamente recuperado de lesões na retina do olho direito. O atleta se recuperou por três meses e passou por avaliação final em Frankfurt, na Alemanha.

“Tive sim (medo). Nunca tinha acontecido isso comigo, de eu ter ficado parado por tanto tempo. Essa lesão quase me tirou do campo. Me preocupou muito. Mas com a ajuda do departamento médico pude voltar em alto nível. Isso se fortaleceu dentro de mim, que a minha recuperação estava próxima. E hoje posso declarar que estou recuperado. Vou voltar a fazer o que eu gosto”, explicou.

Bruno não precisará usar óculos de proteção, como previsto anteriormente. O atacante não se adaptou. O cuidado maior será ser reavaliado a cada semana.

“A maior restrição era o óculos. Não sei como o Davids (ex-jogador) conseguia jogar daquela forma. O óculos é de extrema responsabilidade. Ele iria me ajudar, mas me senti inseguro e me sentia retraído por ter que trabalhar de óculos. Alguns lances que eu treinava o óculos atrapalhava, perdia um pouco da visão periférica e isso trazia receio para mim. Minha lesão está muito bem recuperada”, concluiu.

Bruno Henrique será, a princípio, opção no banco de reservas do técnico Jair Ventura contra o Bahia. O provável time é: Vanderlei, Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Dodô; Alison, Léo Cittadini e Jean Mota; Eduardo Sasha, Rodrygo e Eduardo Sasha. Por Gazeta Press

Tite ignora o Santos e Vanderlei fica mais longe da Copa



Cotado para a Seleção Brasileira desde o ano passado, o goleiro Vanderlei nunca foi convocado pelo técnico Tite (Crédito: Ivan Storti/SantosFC)

A Confederação Brasileira de Futebol divulgou nesta quinta-feira o calendário de observação da comissão técnica da Seleção Brasileira antes da convocação final para a Copa do Mundo e o Santos ficou fora dos jogos escolhidos por Tite e seus auxiliares.

Com isso, as chances de uma convocação do goleiro Vanderlei para o Mundial da Rússia praticamente se esgotam. O camisa 1 é o jogador do Peixe mais citado como possível convocado desde o ano passado, mas nunca teve uma chance. A lista final do Mundial será divulgada no dia 14 de maio.

De acordo com o calendário divulgado nesta quinta, integrantes da Seleção Brasileira estarão em 4 jogos do Campeonato Brasileiro, além de um jogo da Copa do Brasil e dois da Copa Libertadores. Tais jogos envolverão oito clubes (São Paulo, Corinthians, Cruzeiro, Atlético-PR, Fluminense, Botafogo, Grêmio e Atlético-MG).

Neste mês, ainda de acordo com o calendário, os integrantes da comissão técnica estiveram nas finais do Paulista (Corinthians x Palmeiras), do Mineiro (Cruzeiro x Atlético-MG) e do Carioca (Vasco x Botafogo), além de dois jogos do Campeonato Brasileiro (Cruzeiro x Grêmio e Botafogo x Palmeiras).

Com isso, dez dos 20 times do Brasileirão foram observados in loco pelo staff do técnico Tite (Palmeiras e Vasco, além dos oito citados anteriormente).

Confira a lista de jogos observados pela comissão técnica da Seleção

08 de Abril
Vasco da Gama x Botafogo (Tite e Thomaz Araújo)
Cruzeiro x Atlético Mineiro (Matheus Bachi)
Palmeiras x Corinthians (Fernando Lázaro)

11 de Abril
Palmeiras x Boca Juniors (Cleber Xavier)

14 de Abril
Cruzeiro x Grêmio (Fernando Lázaro e Matheus Bachi)

16 de Abril
Botafogo x Palmeiras (Tite e Edu Gaspar)

19 de Abril
São Paulo x Atlético Paranaense (Tite)

22 de Abril
Fluminense x Cruzeiro (Tite)
Grêmio x Atlético Paranaense (Dudu Bressane)

28 de Abril
Botafogo x Grêmio (Tite)

29 de Abril
Atlético Mineiro x Corinthians (Tite)

01 de Maio
Grêmio x Cerro Porteño (Tite)

02 de Maio
Corinthians x Independiente (A Definir)

Santos pode cruzar com rival da Série A nas oitavas da Copa do Brasil


A CBF vai realizar nesta sexta-feira (20) o sorteio das oitavas de final da Copa do Brasil. Nesta fase, entram os clubes que disputam a Copa Libertadores. A fórmula do sorteio consta em dois potes, com clubes do pote 1 obrigatoriamente enfrentando clubes do pote 2.

Por estar disputando a Copa Libertadores, o Peixe estará no pote 1 no sorteio da CBF. Diante disso, o Peixe pode cruzar caminho com cinco clubes da Série A, dois da Série B ou um da Série C.

Os times que o Santos pode enfrentar nas oitavas da Copa do Brasil são: Atlético-MG, Atlético-PR, América-MG, Bahia, Goiás, Luverdense, Ponte Preta, Vitória.

O Santos conta com uma conquista da Copa do Brasil. Em 2010, o time de “Meninos da Vila” comandado por Robinho, Neymar e Ganso levou o caneco nacional na decisão contra o Vitória. Por Esporte Interativo

Após reunião, Santos encaminha empréstimo de Vladimir



Vladimir é procurado por Sport e Vitória (Ivan Storti)

Após reunião com o empresário de Vladimir na tarde desta quinta-feira, o Santos ficou perto de liberar o goleiro para ser emprestado. Sport e Vitória estão interessados no jogador de 28 anos, conforme antecipado pela Gazeta Esportiva.

O agente Beto Lopes conversou com Orlando Rollo, na Vila Belmiro. O vice-presidente se mostrou disposto a liberar, mas a decisão ficará com o Comitê de Gestão. Há uma reunião marcada entre os dirigentes na segunda-feira.

“Saí há pouco de uma reunião com Orlando Rollo, vice-presidente do Santos, e a liberação do Vladimir por parte do clube ficou bem encaminhada. A definição, no entanto depende de um parecer do Comitê Gestor. Portanto, teremos que esperar mais um pouco”, disse o empresário.

O goleiro reserva gostaria de brigar com Vanderlei pela titularidade, mas, com a forte concorrência, aceita sair se o Peixe topar. Seu contrato vai até 2020. Se a negociação for confirmada, João Paulo vira reserva imediato.

O Vitória também quer Copete. O vice-presidente Francisco Neto e o executivo de futebol Erasmo Damiani estão em Santos para tentar levar o atacante e o goleiro Vladimir ao clube baiano.

O Santos passa por processo de redução no elenco, mas Vladimir e Copete, a princípio, não estavam nos planos para empréstimo. O goleiro é reserva imediato de Vanderlei e, em relação ao colombiano, o Peixe gostaria de negociá-lo em definitivo para aliviar os cofres.

quinta-feira, 19 de abril de 2018

Peres explica insucesso na saída de Veríssimo e afirma: “Não vamos ter prejuízo”



Lucas Veríssimo pode ser negociado a partir de junho (Ivan Storti)

Em fevereiro, o Santos esteve muito perto de negociar Lucas Veríssimo com o Spartak Moscou-RUS por 7,5 milhões de euros (cerca de R$ 30 milhões). Um desentendimento entre empresários, porém, fez as tratativas serem encerradas pouco antes do final feliz.

Mais de dois meses depois, o presidente José Carlos Peres explica o ocorrido. O fracasso pela saída de Veríssimo foi um dos motivos do pedido de conselheiros pelo impeachment do mandatário. 

“Veríssimo fui eu e mais três integrantes do Comitê Gestor. Fechamos. O que aconteceu é que os russos tinham dado um papel para três negociadores: um da Itália, um da França e um da Rússia. Quando isso aconteceu, eles desistiram, por enquanto. Eles não queriam pagar as comissões. Mas não são poucas as propostas por ele, ou seja, não vamos ter prejuízo nenhum”, disse Peres, em entrevista coletiva nesta quinta-feira, na Vila Belmiro.

O zagueiro é uma das prováveis vendas do Peixe a partir de junho, na reabertura da janela internacional de transferências. Ele tem 22 anos e é titular absoluto com o técnico Jair Ventura.

Com dificuldades financeiras, o alvinegro passa por processo de redução no elenco e corte de gastos em todos os departamentos. Uma das saídas foi emprestar atletas. Cleber (Paraná), Leandro Donizete (América-MG) e Rodrigão (Avaí) já saíram. Outros deixarão o clube nos próximos dias.

Presidente do Santos confirma troca de Zeca por Sasha com o Inter


José Carlos Peres diz que negociação foi encerrada nesta quinta-feira

Por Globoesporte.com

O presidente do Santos, José Carlos Peres, anunciou nesta quinta-feira, em entrevista coletiva na Vila Belmiro, que fechou com o Inter a troca do lateral-esquerdo Zeca pelo atacante Eduardo Sasha. A negociação vinha se arrastando há semanas. Segundo o dirigente, cada clube mantém 50% dos direitos econômicos do atleta cedido.

– Hoje nós fechamos de vez a troca do Zeca com o Sasha – disse Peres.

Zeca estava em litígio com o Santos desde o ano passado, quando foi à Justiça pedir a rescisão do contrato por supostos atrasos no recolhimento do fundo de garantia. Ele conseguiu uma liminar quando o caso chegou ao Tribunal Superior do Trabalho (TST), no fim do ano passado. O imbróglio acendeu o interesse de muitos clubes, inclusive o Inter, no lateral.


Lateral-esquerdo Zeca vai para o Inter (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Como Eduardo Sasha, emprestado pelo clube gaúcho ao Peixe, começou a se destacar, surgiu a possibilidade de envolvê-lo na negociação. O Santos queria um vínculo mais longo com o atacante. Sasha é titular e artilheiro do Santos na temporada.

A situação avançou quando Zeca retirou a ação que movia contra o Santos. Foi o último passo para o negócio ser concluído.

– A negociação foi benéfica para o Santos e para o Internacional. O Sasha já está jogando com a gente, tem correspondido. O Zeca é um grande jogador, foi campeão olímpico, teve uma indisposição com a gestão anterior e ficou meses sem jogar. Permanecemos com 50% dos direitos do Zeca e o Inter com 50% do Sasha. Foi uma ginástica para fechar essa contratação – completou Peres.


Eduardo Sasha, destaque do Santos na temporada, é envolvido na negociação (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Provável retorno de Sergio Dimas divide opiniões no Santos


O Santos está perto de trazer Sergio Dimas de volta como gerente de logística. E o provável retorno do profissional do Red Bull Brasil divide opiniões no clube. Em fevereiro, a Gazeta Esportiva antecipou o desejo do Peixe em “repatriá-lo” após o Campeonato Paulista.

O presidente José Carlos Peres é a favor do retorno de Dimas. Além dos fatores técnicos de seu trabalho, há a tentativa de blindar o elenco diante de problemas políticos, como a tentativa de impeachment. Ele se dá muito bem com os principais jogadores do alvinegro.

Peres, porém, não tem o apoio de todos no clube. Pelo contrário. Alguns entendem que trazer Dimas pode acarretar em muito poder para os líderes do grupo. Em fevereiro de 2017, quando o gerente foi demitido, atletas protestaram contra decisão e chegaram a adotar lei do silêncio.

Sergio Dimas intercedia pelo elenco junto à direção, como em atrasos de salários, e era querido por resolver problemas burocráticos, pessoais ou profissionais. Seu relacionamento com as federações era elogiado, mas o ex-presidente Modesto Roma alegou “diferença de gestão”, com diferenças no que era esperado e acabava sendo exercido.

Atualmente, o departamento de futebol é comandado pelo gerente William Machado e tem o apoio do coordenador Diogo Castro. O presidente José Carlos Peres cuida das negociações por contratações e saídas de jogador.

Cinco jogadores da base treinam entre os profissionais


Velho conhecido da torcida, Diego Cardoso treinou entre os profissionais (Crédito: Ivan Storti/Santos FC)

No treino da manhã desta quinta-feira, o técnico Jair Ventura chamou cinco jogadores das categorias de base para completar a atividade. Dois deles atuam na equipe sub-17, o zagueiro Gustavo Cipriano e o volante João, e os outros três jogam na equipe sub-23, os atacantes Diego Cardoso e Fabrício e o volante Fernando Medeiros.

Cipriano e João integraram o treino desde a primeira atividade: um trabalho de dois toques em espaço reduzido – cerca de um quarto do campo – com três times de nove atletas tentando manter a posse de bola. Já o trio do sub-23 entrou na segunda parte, um treinamento de contra-ataque rápido, onde as equipes de três jogadores tinham que trocar dez passes dentro de um espaço demarcado, e com outros três atletas no ‘bobo’, e depois sair em transição rápida para fazer o gol, enfrentando a dupla de zaga à espera.

Após o término da atividade, os jogadores da base foram dispensados e a imprensa foi convidada a se retirar. Apesar do recorrente mistério, Jair Ventura deve repetir o time que bateu o Ceará por 2 a 0. Na última coletiva de imprensa, o técnico chegou a dizer que o time era aquele e que não faria mais testes. Assim, o Santos deve enfrentar o Bahia nesta sábado, às 16h, na Fonte Nova, com: Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Dodô; Alison, Léo Cittadini, Jean Mota, Rodrygo e Sasha; Gabigol. Por Diario do Peixe

Aumento e contrato longo: Cittadini encaminha renovação com o Santos

Em alta e titular com o técnico Jair Ventura, meia deve renovar contrato com o Peixe por mais quatro temporadas e ganhar uma valorização salarial: 'Quero permanecer' 


Titular do Peixe com Jair Ventura, Léo Cittadini tem acordo de renovação encaminhado (Foto: Ivan Storti/Santos)

Em alta no Santos, Léo Cittadini deve renovar com o clube nos próximos dias. Titular no time do técnico Jair Ventura, o meia estenderá seu vínculo por mais quatro temporadas - o atual vai até dezembro de 2018 - além de ganhar um aumento salarial. 

O clube topou aumentar o salário do meia, mas não planeja exagerar no gasto.
Restam detalhes entre as partes para que o acordo seja selado e o Peixe oficialize a extensão de contrato do Cittadini.

Desde a estreia do Peixe no Campeonato Brasileiro, contra o Ceará, o jogador de 24 anos já havia revelado conversas com a diretoria santista pela renovação.

- Já iniciamos uma conversa, isso é o tipo de coisa que deixo totalmente para o meu empresário. O meu foco total é jogar, evoluir e ajudar o Santos da melhor maneira. Espero que nos próximos dias já possa se acertar e se concretizar da melhor maneira. Estamos acertando alguns detalhes. Procuro saber só no final porque é desgastante. Minha vontade é permanecer no Santos - disse.

Antes do camisa 19 se firmar, Jair testou Renato na posição, anteriormente titular absoluto. Porém, por conta das características de Leo, sendo elas a boa movimentação e o passe, o mais jovem ganhou a posição.

Contra o Bahia, em Salvador, neste sábado, pela segunda rodada, Cittadini se manterá entre os titulares do Peixe. A tendência é que o Santos tenha Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Dodô; Alison; Sasha, Jean Mota, Léo Cittadini e Rodrygo; Gabriel. Por Lancepress

Longuine faz força para ir ao Guarani; Santos pode “ganhar” atacante



Bruno Mendes pode pintar no Santos (Foto: Divulgação)

Por Gazeta Press

A negociação pelo empréstimo de Rafael Longuine esfriou nos últimos dias, mas o meia faz força para deixar o Santos e reforçar o Guarani na Série B do Campeonato Brasileiro. O jogador deu a sua palavra à equipe de Campinas e espera pelo ‘sim’ do Peixe nos próximos dias.

O alvinegro não está contente com a proposta de empréstimo e espera uma divisão melhor dos salários. O volante Yuri também está na mira do Guarani, mas, até o momento, as tratativas não evoluíram. A dupla não está nos planos do técnico Jair Ventura.

Quem pode pintar no Santos em meio às conversas é Bruno Mendes. O atacante de 23 anos agrada ao Santos, mas o clube tem dúvidas sobre a capacidade técnica do atleta para integrar diretamente o elenco profissional. Uma opção é integrar, a princípio,o time sub-23.

Bruno surgiu com destaque no próprio Bugre, foi bem no Botafogo por um período, mas não correspondeu às expectativas no Atlético-PR, Avaí e Vitória de Guimarães-POR. Ele é um dos destaques do Guarani.

O Peixe passa por processo de redução em seu elenco. O presidente José Carlos Peres, com o aval da comissão técnica, manterá os titulares, os reservas imediatos e os que Jair vê chance de despontarem na equipe. Cleber (Paraná), Leandro Donizete (América-MG) e Rodrigão (Avaí) já saíram. Caju está perto de ir para o Amiens-FRA.